Marcos Ramon Info

Tudo errado?

Sentei diante do computador, abri uma janela do navegador, outra, outra e pensei comigo mesmo: “faz tempo que não escrevo no blog. Acho que preciso escrever alguma coisa.” Daí fiquei pensando sobre o que eu devia escrever, de que forma e de um jeito que ficasse interessante…

Mas daí percebi que eu devo estar fazendo isso - blogar - de um jeito muito errado. Afinal, eu estou escrevendo pra quem? Por que preciso escrever alguma coisa? Qual é a urgência disso e por que isso é interessante pra qualquer pessoa?

Encarando os fatos: eu tenho uns sete leitores mais ou menos assíduos nesse blog - e acho muito legal essas pessoas acompanharem os meus posts. Mas a verdade é que esse blog é tão pouco importante que no final acaba interessando só a mim mesmo. Só eu reclamo comigo quando um post demora pra sair. E além disso eu fico me preocupando com o layout, com a plataforma, com a regularidade/qualidade dos textos - e pra quê?

Quer dizer, por que eu não pego um caderninho e escrevo um texto, se eu sentir que preciso escrever? Por que num blog, por que escrever e deixar público na internet os meus pensamentos sobre qualquer coisa? - esses que coloco agora, por exemplo.

Um dia eu estava comentando com a minha esposa sobre o blog, que não estava achando ele legal, que precisava mudar isso e aquilo e ela disse: “tu devia fazer fanzine de novo”. Eu achei que ela estava brincando, mas não estava. Acho que é hora de pensar se esse blog deve continuar ou não.

Marcos Ramon

Marcos Ramon

Professor no Instituto Federal de Brasília, pesquisando ensino, estética e cibercultura. Lattes | ORCID | Arquivo
comments powered by Disqus