Marcos Ramon Info

Nada existe

Inventamos ciclos para lidar melhor com o fato de que a realidade é caótica e imprevisível. Como somos obcecados por ordem, queremos acreditar que a vida cotidiana deveria seguir determinados propósitos ou caminhos.

Mas as coisas acontecem apenas por acontecer. Nada tem que ser assim, ou de qualquer outro jeito. O terrível, no entanto, é que é difícil lutar contra o desejo de identificar um propósito para cada ação, passo ou respiro nosso.

Infelizmente, nada disso existe.

Marcos Ramon

Marcos Ramon

Professor no Instituto Federal de Brasília, pesquisando ensino, estética e cibercultura. Lattes | ORCID | Arquivo
comments powered by Disqus