Frustração

É difícil lidar com a quebra de expectativas. Quando queremos muito uma coisa e não conseguimos o que esperávamos, ou quando não queremos nada em específico mas nos vemos contrariados por qualquer motivo, costumamos ficar em uma situação de agonia e insatisfação que demora pra passar.

Nesse contexto, vale dizer que tudo o que implica em sensibilidade é difícil de explicar. Primeiro, porque não se trata de um processo fisiológico puro e simples, algo que pode ser identificado e observado em todas as pessoas. E depois, porque nem todo mundo demonstra o que sente. A frustração talvez seja uma das coisas mais comuns entre nós. Mas cada pessoa reage de um jeito e externaliza de uma forma bem pessoal a sua própria privação.

Pra mim, frustração é como se um buraco se abrisse na minha cabeça e começasse a expulsar de lá todos os pensamentos positivos que eu tenho. Só o que fica é a própria sensação de me ver insatisfeito por não ter aquilo que eu queria, que eu esperava. Não deixar que as coisas importantes não se percam no meio desse processo é o exercício que eu me imponho sempre que a frustração chega perto. Mas, olha, não é simples.