É difícil conviver

1 minuto(s) de leitura

Misantropia é uma dessas palavras estranhas que inevitavelmente a gente fica em dúvida sobre o que significa. Se procurar no Google, o resultado mostrado pelo dicionário será “ódio pela humanidade”, que é uma descrição literal da etimologia da palavra. Claro que se levarmos o termo nesse sentido pouquíssimas pessoas vão se identificar com ele. No entanto, uma definição mais palatável, e que abarca o sentimento de muita gente, é “falta de sociabilidade”. Neste último sentido, eu me sinto um misantropo, ainda que sem muito orgulho.

Hoje, por exemplo, estava chovendo bem forte justamente no horário do almoço. Antes da chuva começar eu estava na biblioteca, corrigindo trabalhos de estudantes, e logo quando o céu começou a desabar eu senti que teria dificuldade para sair para o almoço. O curioso é que tem uma lanchonete dentro da instituição em que trabalho, e eles vendem comida a quilo. No entanto, almoçar lá era o mesmo que me ver obrigado a sentar perto de outras pessoas que me conhecem e que, eventualmente, iam puxar assunto enquanto eu estava almoçando. Não desgosto das pessoas, mas se não estiver na minha casa, com a minha família, eu prefiro almoçar sozinho, sem conversar com ninguém, sem interagir com outras pessoas.

E o que fiz? Abri meu guarda-chuva e saí andando no tempo ruim até um restaurante mais distante só pra ficar em um lugar neutro, com menos chance de encontrar alguém que pudesse me conhecer. Tá vendo, misantropia é isso.

Deixe um comentário