Marcos Ramon Info

Coisas estranhas acontecem

A realidade não é previsível o tempo todo. Todo mundo, em algum momento da vida, já esteve em contato com o absurdo e, claro, nesse momento nos sentimos especiais. “Preciso te contar o aconteceu comigo! Você não vai acreditar!” E seguimos guardando aqueles fatos e situações inusitadas que fazem nosso repertório de insanidade controlada em um mundo em que tudo precisa ser racional e explicável.

Na verdade, mesmo a maior parte das explicações ditas racionais guardam muito de aleatoriedade e confusão. Exemplos disso podem ser encontrados aos montes na filosofia, mas também nas ciências naturais, campo em que a observação deveria corresponder sempre à realidade. Mas o real é difícil de definir. Real é o que acontece, o que vemos ou que realmente existe (independentemente de percebermos ou não)? Todas as respostas são possíveis.

Coisas estranhas acontecem, o tempo todo, com todo mundo. Treinamos o nosso olhar — por que nos ensinaram a vida toda a fazer isso — para ver com desprezo essas coisas estranhas e inexplicáveis. E assim vamos perdendo o encanto de entender o mundo como ele é: um lugar em que mesmo o previsível guarda sempre alguma magia e surpresa.

Coisas estranhas acontecem. Não necessariamente assim, mas acontecem.

Marcos Ramon

Marcos Ramon

Professor no Instituto Federal de Brasília, pesquisando ensino, estética e cibercultura. Lattes | ORCID | Arquivo
comments powered by Disqus